Fórum AquaPeixes
Conecte-se ou registre-se e faça parte do melhor Fórum de Aquariofilia!

Registrando-se terá direito a fazer perguntas, esclarecer dúvidas e muito mais...

Veja, passo a passo, como postar fotos;

Fique por dentro das nossas Regras de utilização;

Fique por dentro das nossas Regras para participação do Concurso AquaPeixes de Fotografias;

Acesse nosso site AquaPeixes, para obter mais conhecimentos;

* As publicidades só aparecem para os visitantes!




Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Cascudo revoltado
por Joao Roberto Hoje à(s) 9:35 am

» MEUS PEIXES SUMIRAM DO AQUARIO
por maciel.luz Hoje à(s) 9:33 am

» Tratamento de troncos
por Joao Roberto Ter Dez 06, 2016 6:05 pm

» Água e Tampa pra aquário
por maciel.luz Ter Dez 06, 2016 10:36 am

» [Doença] Peixes agitados e se raspando nos enfeites
por danilomibr Seg Dez 05, 2016 6:03 pm

» Lago de alvenaria - Apareceu uma trinca
por Ederson Pimenta Seg Dez 05, 2016 10:24 am

» Aquário Low Tech Amazônico by: Uátyla!
por maciel.luz Seg Dez 05, 2016 8:17 am

» Compra de Kinguio Panda
por SJorge Dom Dez 04, 2016 7:14 am

» Falando um pouco sobre arraias
por renansudan Sab Dez 03, 2016 12:45 pm

» Filtro canister caseiro Passo a Passo "Video"
por uatyla Sab Dez 03, 2016 7:46 am

» Novo Laguinho
por sdaugusto Sex Dez 02, 2016 9:11 am

» Termostato
por Joao Roberto Qui Dez 01, 2016 6:54 pm

» [Apresentação] João Vitor
por maciel.luz Qui Dez 01, 2016 9:39 am

» como enviar carpas de um estado para outro
por Joao Roberto Qua Nov 30, 2016 6:45 pm

» VENDO DESMONTE DE PLANTADO
por SJorge Qua Nov 30, 2016 4:50 pm

» enfeite
por Joao Roberto Ter Nov 29, 2016 4:25 pm

» Canal de Jumbos no youtube
por SJorge Dom Nov 27, 2016 4:52 am

» Perseguição de Kinguios
por Joao Roberto Sab Nov 26, 2016 11:18 am

» Aquário novo
por Mauricio Molina Qua Nov 23, 2016 12:02 pm

» Peixe Oscar no fundo do aquário
por SJorge Qua Nov 23, 2016 4:27 am

Top dos mais postadores
Mauricio Molina (8250)
 
Adilson (7037)
 
Wladimyr (5849)
 
Beto Lemos (4989)
 
Lucas Duarte (2775)
 
Thiago Marques (2333)
 
juniorfn (2149)
 
david rafael dieter (2124)
 
Edu Ucceli (2021)
 
Thiago Arai (1930)
 

Quem está conectado
8 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 8 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 109 em Sex Jun 13, 2014 10:45 pm

Betta agressivo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Em curso Betta agressivo

Mensagem por PabloBOliveira em Seg Maio 09, 2011 11:07 am

Olá gente!

Comprei o meu Betta pra pôr no comunitário. Ele é Branco, roxo, azul, verde, rosa, e vermelho (acreditem ou não, dependendo da luz). Enfim, eu o pus no comunitário.

Primeiros dias foi perfeito, ele ficava nadando devagar perto da superfície, fuçava curioso no meio das plantas... Td certo.

Mas agora, sexta-feira, ele deu pra fazer um ninho no meio das plantas flutuantes. E o problema é que agora ele ataca todo mundo no aquário, espanta pra longe do ninho, mas vai até o outro lado do aquário pra perseguir os pobres peixes, revisa as cavernas das pedras, a floresta de cabombas, e volta pro ninho. Faz mais um pedaço, e vem perseguir os peixes de novo. Ele criou uma aversão especial pelos corydoras, coitados, mas também enche o saco dos neons (que quase nem dão bola pra ele).

Eu vou aumentar o cardume de corydoras pra ver se eles ficam mais confiantes. Antes eles passavam o dia fuçando a areia, e agora ficam escondidos no meio das plantas, quietos.

A pergunta de um milhão de dólares é: Existe um jeito de impedir ele de fazer esse diabo desse ninho, pra ficar calmo de novo? (já pensei até em castrar ele, mas acredito q seria meio complicado hehehehe)

Abraços!

PabloBOliveira
Experiente
Experiente

Membro bastante Participativo
Inglaterra
Mensagens : 630
Pontos : 668
Reputação : 29
Data de inscrição : 31/01/2011
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por Luiz Fernando em Seg Maio 09, 2011 5:57 pm

Olá Pablo,

Isso é normal, você não tem por que se preocupar. Faz parte da natureza os animais procurarem dar o melhor conforto para sua descendência.

Você tem alguma fêmea no aquário? Se tiver, o melhor que você pode fazer é transferir "os dois" para outro aquário, de mais ou menos 10 a vinte litros (quanto maior melhor) onde a natureza seguirá seu curso mais facilmente para os peixes e para você também.

No próximo vou mandar para você um artigo que recebi do pessoal e arquivei

Enquanto isso arranje logo um pote e uma meia de nylon ou filó para preparar o infusorio que você vai precisar (vou te mandar também um artigo que ensina, também gentileza do pessoal do fórum).

Luiz Fernando
Experiente
Experiente


Brasil
Mensagens : 666
Pontos : 763
Reputação : 3
Data de inscrição : 23/11/2010
Idade : 72

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por Luiz Fernando em Seg Maio 09, 2011 6:31 pm

Olá Pablo,
Eis o que prometi. Não sei por que saiu assim, mas acho que dá "pra quebrar o galho"

Reprodução
Não há muita dificuldade em se conseguir uma reprodução de bettas, porém o criador, principalmente os iniciantes devem ter muita paciência, pois o maior desafio é fazer com que os pequenos alevinos se tornem belos adultos.
Para iniciar uma reprodução de bettas, é muito importante certificar-se de que todo equipamento já está em mãos, assim, prevenindo-se, o aquariofilista não será surpreendido por possíveis contratempos, como por exemplo, uma queda brusca na temperatura da água.
Então é muito importante que um aquário de mais ou menos 15 litros , com tampa, esteja equipado com um aquecedor com termostato, evitando assim variações na temperatura, um termômetro, para que haja um constante monitoramento da temperatura da água e também algumas plantas que absorvem o nitrato originado das fezes dos peixes e também servirão de refúgio para a fêmea. Para a sustentação do ninho, o criador tem a opção de colocar um galho tratado, desde que uma parte desse galho fique para fora da água. Ou pode-se usar um pedaço de isopor ou até mesmo um copo descartável cortado. Pode-se colocar uma ou duas gotas de fungicida no aquário de criação, isso evita a proliferação de fungos. É importante que a coluna de água não ultrapasse 12 cm , pois acima disto os alevinos seriam submetidos a uma pressão muito grande. Após a eclosão dos ovos, baixe esta coluna de água para 6 cm .
Nunca coloque isopor debaixo do aquário de criação, pois isso dificultaria o trabalho dos bettas na hora de pegar os ovos, pois a cor dos ovos se confundiria à do isopor. Para resolver esse problema, pode-se colocar o aquário sobre uma superfície escura ou até mesmo um pedaço de cartolina preta no fundo.
Alimente bem o casal na semana que anteceder a reprodução pois neste período eles não vão alimentar (o macho fica até uma semana sem comer).
Com o aquário devidamente montado e colocado em um lugar de pouco movimento para não provocar eventuais sustos nos peixes, inicia-se a reprodução colocando primeiro o betta macho solto no aquário. Deixe-o acostumar bem com sua nova casa. Depois, coloque a fêmea dentro de um pote de maionese e deixe-a mergulhada em banho-maria no aquário do macho (pode se cortar o fundo do pote de plástico de maionese). O melhor a ser usado, é a parte de cima de uma garrafa pet com o bico cortado, pois isso impede a destruição do ninho feito pelo macho com o deslocamento da coluna de água. Nunca solte a fêmea sem este prévio conhecimento, pois ambos poderão brigar até a morte.
Nesta fase da reprodução, o macho começa a fazer um ninho de bolhas e constantemente rodeia o vidro da fêmea com as nadadeiras bem abertas, como se quisesse impressioná-la.
Após 24 horas desta incansável corte e observando se a fêmea está com linhas bem definidas na vertical chega a hora de soltá-la no aquário do macho. O macho tentará levá-la com insistência para debaixo do ninho, não se assuste pois essas tentativas são bem violentas e é normal que a fêmea fique um pouco machucada, logo ela se recupera.
Numa dessas violentas tentativas de levar a fêmea para debaixo do ninho, ela acaba cedendo ao macho e então começa o abraço nupcial.

Abraço Nupcial
Foto cedida gentilmente pelo meu amigo Edmar (www.edbettas.kit.net)
No início deste abraço nupcial, não são expelidos da fêmea nenhum ovo, mas com o passar do tempo, o número de ovos que saem da fêmea vão aumentando gradativamente, podendo chegar até 50 ovos de cor branca amarelado.
A cada abraço nupcial a fêmea expele os ovos e o macho logo os fecunda. Então os ovos começam a cair e o macho desce para pegá-los com a boca e levá-los com todo carinho para o ninho, enquanto a fêmea fica na horizontal como se estivesse morta. Após voltar ao normal a fêmea desce e ajuda o macho na sua tarefa de levar os ovos ao ninho.
Quando os pais terminam seu trabalho, ou seja, todos os ovos já foram expelidos da fêmea e estão todos no ninho, a fêmea volta a ficar escondida e fugindo do macho, chega então a hora de tirá-la do aquário. Faça isso usando uma rede. Deixe-a em um vidro separado com fungicida para que ela possa se recuperar tranqüilamente e livre de fungos que poderiam se instalar nas lesões existentes. É muito importante lembrar que ela estava em uma água com a presença de um aquecedor então mantenha a fêmea em uma água com a mesma temperatura, isso manterá o seu metabolismo e consequentemente mais rápida será sua recuperação.
24 a 48 horas após o abraço nupcial os ovos começam a eclodir e os alevinos se mantém na posição vertical durante 3 a 5 dias. Durante esse tempo eles caem constantemente no fundo do aquário e são carinhosamente apanhados pelo pai e levados ao ninho. Além desta tarefa, o pai fica super atento na reconstrução do ninho.
Quando os alevinos começam a nadar normalmente na horizontal retire o macho com as mãos, pois se você retirá-lo com as redes poderá prender sem querer algum alevino. Deixe o macho em um pote individual e com a água na mesma temperatura que estava e comece a alimentá-lo bem.
Chega então o maior desafio para o criador que é alimentar os alevinos!!! O Alevino passa por um período crítico, compreendendo o período das primeiras duas semanas de vida. A primeira coisa a fazer é ligar o aerador com pedra porosa (bem fraca). Desta maneira você "quebra" a tensão superficial, oxigenando a água. Agora, comece a alimentá-los com náuplios de artêmia recém eclodidos e microvermes até a sexta semana. Na quarta semana você poderá acrescentar ao cardápio as enquitréias e a partir da décima semana comece a oferecer gradativamente as rações dadas aos adultos.
Para servir os microvermes você deve recolher água dos próprios alevinos (copinho), diluindo os microvermes e retornando ao aquário, lentamente, espalhando pro todo aquário.
A partir da 10ª semana você vai começar a distinguir o sexo dos alevinos. Os Machos normalmente são os maiores alevinos da ninhada. Tem um corpo mais alongado, nadadeiras mais desenvolvidas. As fêmeas tem um desenvolvimento menor e apresentam um ovipositor (ponto branco entre as nadadeiras pélvicas).
Logo que o macho é identificado pode ser separado em recipiente individual. Com 4 meses de idade você vai ter uma macho adulto de bom tamanho. Aos 6 meses eles já podem estar tendo seus próprios filhotes. E as fêmeas poderão continuar juntas sem nenhum problema.

Luiz Fernando
Experiente
Experiente


Brasil
Mensagens : 666
Pontos : 763
Reputação : 3
Data de inscrição : 23/11/2010
Idade : 72

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por Luiz Fernando em Seg Maio 09, 2011 7:03 pm

Olá pessoal

Desculpem mas esqueci de informar que os créditos do artigo acima Reprodução de Betta Splendens são propriedade de Betta Brasil Web Site, a quem aproveito para apresentar minhas desculpas pelo esquecimento.

Luiz Fernando
Experiente
Experiente


Brasil
Mensagens : 666
Pontos : 763
Reputação : 3
Data de inscrição : 23/11/2010
Idade : 72

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por Luiz Fernando em Seg Maio 09, 2011 7:35 pm

Olá Pablo,

Prepare o seu infusório já, se pretende mesmo reproduzir o Betta, que acho que o seu merece por seer tão lindo como você descreveu.

Material necessário:

2 potes de +- 2 lts (voce encontra nas loja 1,99)
1 folha de alface
1 pitada de leite em pó ou um pouco de yogurte
1 pitada de fermento biológico (quanto menos melhor)
1 pedaço de meia de nylon ou o filó, bem fininho
1 pedaço de elástico ou borrachinha daquelas de prender cédulas.

Modo de fazer

Coloque a folha do alface para secar ao sol por +- 2 dias. Eu coloco no microondas até ela ficar bem sequinha sem queimar.

Encha ²/³ do pote com água comum da torneira, coloque o leite (ou yogurte), o fermento, coloque na boca do pote a meia ou o filó, prenda com o elástico ou a borrachinha (só para evitar poeira ou que insetos depositem ovos). Com mais ou menos 5 dias deverá estar pronto. Quanto mais verde a água ficar, melhor. Após mais cinco dias prepare o 2º infusório.

Após dois dias da eclosão dos ovos, você retira o macho e começa a oferecer para os filhotes com um conta gotas ou sugando numa borrachinha (daquelas de soro) de uns 30cm. Cuidado para não sugar que dê p/chegar em sua boca. O gosto é horrivel. Crying or Very sad

Boa sorte.

Luiz Fernando
Experiente
Experiente


Brasil
Mensagens : 666
Pontos : 763
Reputação : 3
Data de inscrição : 23/11/2010
Idade : 72

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por PabloBOliveira em Qua Maio 11, 2011 5:36 am

Luiz, eu acho que tu não entendeu a pergunta.

Não me interessa reproduzir o Betta (não agora pelo menos). Me interessa impedir a construção do ninho ou reduzir a sua agressividade.

Abraço!

PabloBOliveira
Experiente
Experiente

Membro bastante Participativo
Inglaterra
Mensagens : 630
Pontos : 668
Reputação : 29
Data de inscrição : 31/01/2011
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por Beto Lemos em Qua Maio 11, 2011 8:07 am

Normalmente os machos em comunitarios ,atacam no começo,mas logo cessam ,sugiro aguardar mais um tempo,se nao resolver o jeito sera retira-lo


Os Administradores e Moderadores aconselham que;

Seja sempre ativo no fórum e aprenda mais;
Respeite as regras do fórum;
Apresente-se Aqui ;
Como postar Fotos ;
Visitem nosso site AquaPeixes;
Ficha para Doenças e Tratamentos;

Beto Lemos
Moderador
Moderador

Pontuação Elevada + Ganhador do Concurso de Fotografia
Brasil
Mensagens : 4989
Pontos : 5179
Reputação : 202
Data de inscrição : 17/10/2010
Idade : 41

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por Luiz Fernando em Qua Maio 11, 2011 10:12 am

Olá Pablo

Então, o que você tem que fazer é retirá-lo do comunitário sem as fêmeas. Isolado ele vai continuar a fazer o ninho, mas não terá a quem atacar. Beto Lemos, não acredito que o tempo resolva isso. Ele vai defender o ninho. Abrs.

Luiz Fernando
Experiente
Experiente


Brasil
Mensagens : 666
Pontos : 763
Reputação : 3
Data de inscrição : 23/11/2010
Idade : 72

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: Betta agressivo

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 9:50 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum