Fórum AquaPeixes
Conecte-se ou registre-se e faça parte do melhor Fórum de Aquariofilia!

Registrando-se terá direito a fazer perguntas, esclarecer dúvidas e muito mais...

Veja, passo a passo, como postar fotos;

Fique por dentro das nossas Regras de utilização;

Fique por dentro das nossas Regras para participação do Concurso AquaPeixes de Fotografias;

Acesse nosso site AquaPeixes, para obter mais conhecimentos;

* As publicidades só aparecem para os visitantes!




Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Cascudo revoltado
por Elyezer Ontem à(s) 5:35 pm

» Jack Dempsey cuspindo ração
por Elyezer Ontem à(s) 3:27 pm

» Água e Tampa pra aquário
por Elyezer Ontem à(s) 3:21 pm

» Lago de alvenaria - Apareceu uma trinca
por Mauricio Molina Qui Dez 08, 2016 7:07 pm

» MEUS PEIXES SUMIRAM DO AQUARIO
por SJorge Qui Dez 08, 2016 1:15 pm

» Tratamento de troncos
por Joao Roberto Ter Dez 06, 2016 6:05 pm

» [Doença] Peixes agitados e se raspando nos enfeites
por danilomibr Seg Dez 05, 2016 6:03 pm

» Aquário Low Tech Amazônico by: Uátyla!
por maciel.luz Seg Dez 05, 2016 8:17 am

» Compra de Kinguio Panda
por SJorge Dom Dez 04, 2016 7:14 am

» Falando um pouco sobre arraias
por renansudan Sab Dez 03, 2016 12:45 pm

» Filtro canister caseiro Passo a Passo "Video"
por uatyla Sab Dez 03, 2016 7:46 am

» Novo Laguinho
por sdaugusto Sex Dez 02, 2016 9:11 am

» Termostato
por Joao Roberto Qui Dez 01, 2016 6:54 pm

» [Apresentação] João Vitor
por maciel.luz Qui Dez 01, 2016 9:39 am

» como enviar carpas de um estado para outro
por Joao Roberto Qua Nov 30, 2016 6:45 pm

» VENDO DESMONTE DE PLANTADO
por SJorge Qua Nov 30, 2016 4:50 pm

» enfeite
por Joao Roberto Ter Nov 29, 2016 4:25 pm

» Canal de Jumbos no youtube
por SJorge Dom Nov 27, 2016 4:52 am

» Perseguição de Kinguios
por Joao Roberto Sab Nov 26, 2016 11:18 am

» Aquário novo
por Mauricio Molina Qua Nov 23, 2016 12:02 pm

Top dos mais postadores
Mauricio Molina (8251)
 
Adilson (7037)
 
Wladimyr (5849)
 
Beto Lemos (4989)
 
Lucas Duarte (2775)
 
Thiago Marques (2333)
 
juniorfn (2149)
 
david rafael dieter (2124)
 
Edu Ucceli (2021)
 
Thiago Arai (1930)
 

Quem está conectado
5 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 5 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 109 em Sex Jun 13, 2014 10:45 pm

alimentos vivos para peixes bettas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Em curso alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por elvis em Qua Jul 14, 2010 5:11 pm

são vários os alimentos vivos que você pode cultivar em casa:
Artêmia, Besouro de Amendoim, Enquitréia, Larva de Mosquito e até a tradicional Minhoca(cortada em pedaços)
fonte própria!
abraço:elvis

elvis
Iniciante
Iniciante


Brasil
Mensagens : 195
Pontos : 296
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por mrmoraes em Sab Jul 17, 2010 8:26 pm

Elvis,

Sem dúvida dessas culturas a mais fácil de manter são os besouros do amendoim. Os bettas apreciam muito esse alimento e sua manutenção é muito simples.

Att,

Milton

mrmoraes
Novo no fórum
Novo no fórum


Brasil
Mensagens : 2
Pontos : 4
Reputação : 0
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 37

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por Keen Cruz em Dom Jul 18, 2010 7:12 am

Seria legal se vcs postassem um FVM de como manter os besouros de amendoim, isso ajudaria bastante gente, inclusive eu!!!

Keen Cruz
Iniciante
Iniciante


Brasil
Mensagens : 126
Pontos : 162
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/05/2010
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por Pedrotavares em Dom Jul 18, 2010 9:58 am

Se quiserem adicionar ao fórum depois com as devidas fontes,dando uma pesquisada na net...:
http://www.killies.com.br/node/29

Pedrotavares
Iniciante Jr
Iniciante Jr


Brasil
Mensagens : 402
Pontos : 583
Reputação : 6
Data de inscrição : 09/10/2009
Idade : 28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por Adilson em Dom Jul 18, 2010 10:22 am

É verdade Ken essas culturas são muito úteis pois são proteína pura para os peixes.
Abrçs!

Adilson
Moderador Geral
Moderador Geral

Pontuaçao elevada
1º Colocado
Brasil
Mensagens : 7037
Pontos : 7823
Reputação : 340
Data de inscrição : 07/03/2010
Idade : 41

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por eladio pereira em Seg Set 06, 2010 10:05 pm

so que recomenda se deixar a cultura desenvolver uns 2 meses (maturar) para poder ultilizar, importante manter em local escuro e quente que os besouros se sentiram mais a vontade a procriar

a minha eh mantida em um garrafão de 20 litros cortado e a cultura so faz crescer

abraços


palma palma palma aquarismo palma palma palma

eladio pereira
Iniciante
Iniciante


Brasil
Mensagens : 120
Pontos : 144
Reputação : 3
Data de inscrição : 06/09/2010
Idade : 27

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por CARLOS PEREZ em Dom Fev 13, 2011 2:11 pm

OLÁ BOA TARDE A TODOS!!!!!
TENHO FORNECIDO A LARVA DO BESOURO DO AMENDOIM AO MEUS DISCOS,BANDEIRAS E TMBEM AOS MEUS BETAS E PERCEBI UM MELHOR DESENVOLVIMENTO NO TAMANHO DOS DISCOS. ABRAÇOS A TODOS !!!!

CARLOS PEREZ
Novo no fórum
Novo no fórum


Brasil
Mensagens : 5
Pontos : 5
Reputação : 0
Data de inscrição : 03/06/2010
Idade : 51

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por Eduardo Togoro em Dom Fev 13, 2011 4:04 pm

Keen Cruz escreveu:Seria legal se vcs postassem um FVM de como manter os besouros de amendoim, isso ajudaria bastante gente, inclusive eu!!!

Keen, o "manual" de criação de besouro já existe. Está na seção de alimentos vivos.

Como criar Besouros-do-Amendoim

Manual de Besouros de Amendoim

CRIANDO BESOUROS DE AMENDOIM

Qualquer recipiente de material não tóxico com tampa pode servir para fazer uma cultura, até mesmo um recipiente de isopor para sorvete.
O tamanho vai depender da quantidade de peixes a alimentar ou das vezes que ofereceremos este alimento.
Quanta maior a quantidade de peixes ou das vezes que alimentarmos os mesmos, maior deverá ser o recipiente ou aumentar a quantidade de recipientes. Em este exemplo usamos um pote retangular plástico de aproximadamente 30 cm C. x 20 cm L. x 10 cm A. com tampa.

A tampa do recipiente deverá estar furada. O tamanho dos furos deverá ser bem pequeno e em quantidade suficiente para manter boa oxigenação.

Também se pode cortar uma parte da tampa e colocar tela anti-mosquito ou tela tipo véu de noiva como mostra o seguinte exemplo:


Farelo de trigo o fibra de trigo em quantidade suficiente para formar uma capa de aproximadamente 2 cm dentro do recipiente.
Também precisaremos de amendoim sem casca em quantidade suficiente como para colocar acima da capa do farelo de trigo.

Pão integral de boa qualidade, que alem de ser um alimento muito apreciado por estes besourinhos é uma excelente fonte de água (umidade). Em este exemplo usamos pão integral tipo alemão que é bem compacto e úmido, mais pode ser usado qualquer outro.


Procedimento:

Esta é uma das culturas de alimento vivo mais simples que se possam manter.
Não entanto deveremos prestar atenção sobre o fornecedor a quem compramos ou do qual obtemos os besouros. Muitas vezes os cultivos se estragam porque o fornecedor não explica adequadamente como fazer a cultura, ou entrega uma porção contaminada já por fungos que não da para ver a simples vista, ou entrega uma porção minúscula de besourinhos e larvas que demora meses em começar a produzir apenas para uma ração semanal.


Cultura de Besouros e Amendoim

Colocamos no recipiente uma camada de farelo de trigo de aproximadamente 2 cm de espessura e distribuímos uniformemente por todo o fundo.

• Logo após começamos a colocar por cima do farelo de trigo uma camada de amendoim sem casca, cobrindo toda a superfície. Não precisa ser uma camada grossa.

• Uma vez concluídos os passos anteriores já temos o substrato completo para o cultivo e podemos começar a colocar os besouros e larvas dentro.

Recém em este momento é que podemos abrir o pacote no qual veio nossa porção de besouros.

• Não devemos temer que eles comecem a voar já que não têm esse costume a pesar de ter asas para fazê-lo, mas si devemos ser rápidos e colocar o recipiente aberto apoiado sobre o cultivo já que imediatamente depois de aberto eles começarão a sair por todos os lados e alguns pularão.

• Porem não todos os besouros saem e muitos ficam grudados nas paredes os quais deveremos retirar com cuidado de não esmaga-los. Finalmente jogamos o conteúdo de nossa porção de cultivo sobre o substrato e agregamos por cima dele pedaços de pão integral.

Fonte de Umidade

Casca de banana

Recomenda-se o fornecimento de alguma fonte de umidade de 2 a 3
vezes por semana, sendo que as sobras desses alimentos devem ser
retiradas no dia seguinte ao fornecimento.
Devem ser utilizadas assim que forem retiradas, e colocadas com a
parte branca virada para cima, de maneira que a umidade não entre
em contato com o substrato.
Também podem ser utilizados os seguintes alimentos, desde que bem
lavados e isentos de agratóxicos:

• Legumes: fatias bem finas de cenoura, chuchu,...
• Frutas: casca de maçã, pêra,...
• Verduras: couve, repolho,...
• Por ultimo cobrimos com a tampa e colocamos o cultivo em algum lugar que não tenha muita luz, mas que seja fresco e livre de qualquer tipo de insetos.
• Logo após de algumas semanas todo nosso cultivo estará repleto de besourinhos e larvas em distintos estágios

Como se pode apreciar, este cultivo é de extrema simplicidade e só representa uma das varias formas de realizá-lo. (nas fotos foram tirados os pedaços de pão para visualizar melhor o cultivo)


Colheita

Para alimentar aos nossos queridos peixes vamos utilizar apenas as larvas e pupas (estagio médio entre larva e besouro). Elas são as que têm alto conteúdo de proteínas.

Os besouros em si não são bem aceitos pelos peixes menores e médios por causa do seu esqueleto duro alem de não ter tanta quantidade de proteína.



Para a colheita simplesmente utilizaremos uma pinça, que pode ser a que se utiliza para depilação ou outra qualquer que tenha pontas largas e finas, e começaremos a remexer o cultivo com delicadeza para não machucar as larvas menores, retirando só a as larvas maiores ou as pupas.

Não existe uma regra certa para a quantidade de vezes que você pode dar aos seus peixes, mas tenha em mente que eles precisam de comida variada em seus cardápios.

Tente não acostumá-los só a um tipo de alimento, varie, no mercado existem muitos alimentos vivos de excelente qualidade que vale a pena experimentar.


Cuidados e Manutenção da Cultura

Para manter o nosso cultivo sadio e produtivo devemos seguir algumas poucas regras simples.
1. Colocar mais amendoim na medida em que seja devorado pelas larvas e besouros, sempre cru e sem casca, o mais fresco possível e de boa qualidade.
2. O farelo de trigo é o refugio e ao mesmo tempo alimento das larvas, mas com o tempo começa a ficar como se fosse uma farinha e isso é sinal que deve-se trocá-lo.

Para isto poderemos usar uma peneira de buracos finos na qual vamos a peneirar todo o conteúdo do nosso cultivo.

Se a quantidade de farelo restante é pouca seria melhor fazer um novo cultivo e agregar por cima todo o restante do peneirado (besouros, larvas e pupas, amendoim e o pouco farelo restante).
3. Verificar a presença de amendoim apodrecendo já que estes geram fungos e estragam todo o cultivo.
4. Retirar qualquer besouro ou larva morta e que estejam com presença de fungos.
5. Agregar algum alimento com alto conteúdo de umidade como pedacinhos de pão integral (em este exemplo utilizamos pão integral tipo alemão, que é muito mais compacto e úmido que o pão integral comum, o qual também pode-se usar perfeitamente) ou pequenas cascas de banana colocadas com a pele para abaixo e a parte branca para cima, retirando-as em quanto comecem a ficar pretas, e ate mesmo pão umedecido.



6. Não deixar o cultivo aberto a menos que você esteja fazendo colheita de larvas para alimentar aos seus peixes já que pode ser atacada o invadida por outros insetos que estragarão tudo.
7. Cuidar que a temperatura não seja menor a 23 ° já que não produzirá muitas larvas, seria recomendável de 25° para acima.
8. Não borrifar inseticidas no ambiente onde se encontre o cultivo ou retira-lo antes de fazê-lo, e aguardar umas horas para volver a colocá-lo.

Existem outras formas de fazer este cultivo e todas com bons resultados. Por exemplo: pode fazer um apenas com pão integral e amendoim.

Apesar da sua simplicidade ele tem um inimigo mortal para algumas regiões do país que é o excesso de umidade.

E por isso que aqui detalhamos este exemplo de cultivo. Ele pode ser utilizado em diversas regiões do país sem inconvenientes.


Se você mora no sul do país terá que se cuidar mais com respeito à temperatura e não colocar alimentos com conteúdo muito alto de umidade já que provocam fungos o fermentam em pouco tempo.
• Se houver excesso de umidade na criação de insetos, principalmente no inverno, aparece algo parecido com um polvilho nas paredes do frasco, este é o “ácaro da farinha”. Ele é muito pequeno, mas se for observado com atenção pode-se ver que se movem lentamente. Este ácaro mata as larvas lentamente

Tratamento: passar todo conteúdo da caixa para uma forma de pizza e expor ao sol direto por 10 minutos. Em seguida, lavar bem a caixa com água e sabão e recolocar os insetos e o substrato. Limpar a borda superior da caixa com alcool. Repetir o processo diariamente até que os ácaros desapareçam.

Eduardo Togoro
Iniciante Jr
Iniciante Jr


Brasil
Mensagens : 294
Pontos : 318
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/08/2010
Idade : 38

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em curso Re: alimentos vivos para peixes bettas

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 8:48 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum