Fórum AquaPeixes
Conecte-se ou registre-se e faça parte do melhor Fórum de Aquariofilia!

Registrando-se terá direito a fazer perguntas, esclarecer dúvidas e muito mais...

Veja, passo a passo, como postar fotos;

Fique por dentro das nossas Regras de utilização;

Fique por dentro das nossas Regras para participação do Concurso AquaPeixes de Fotografias;

Acesse nosso site AquaPeixes, para obter mais conhecimentos;

* As publicidades só aparecem para os visitantes!




Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Aquário Comunitário 240 L
por SJorge Hoje à(s) 4:09 pm

» [Apresentação] Edmar Ribeiro Silva
por Adilson Ontem à(s) 5:36 pm

» Divisão anêmona BBT anã
por Adilson Ontem à(s) 5:33 pm

» Aquário comunitário 96 L
por Mauricio Molina Ontem à(s) 2:25 pm

» Aquário de 50 L
por Mauricio Molina Ontem à(s) 2:21 pm

» Aquário Maternidade
por SJorge Ontem à(s) 8:59 am

» Doença Acara Bandeira
por Mauricio Molina Sex Dez 19, 2014 3:32 pm

» Meu Comunitário de Poecilídeos - 180 Litros
por Mauricio Molina Sex Dez 19, 2014 3:30 pm

» [Entrevista] Mauricio Molina - Dezembro - 2014
por LeMiranda Sex Dez 19, 2014 2:16 pm

» Novo Projeto - 370 Litros
por Thiago Marques Sex Dez 19, 2014 1:29 pm

» Meus Sulamericanos
por Adilson Qui Dez 18, 2014 12:35 pm

» Aquário plantado de 200 litros
por Wladimyr Qui Dez 18, 2014 9:43 am

» Aquário 370 Litros Bruto
por LeMiranda Qua Dez 17, 2014 4:32 pm

» [Apresentação] Apresentação - Geraldo
por Adilson Seg Dez 15, 2014 7:23 pm

» [Apresentação] Marcos Roberto Chaves
por Adilson Seg Dez 15, 2014 7:11 pm

» [Apresentação] Luciomar Barbosa de Oliveira
por Mauricio Molina Seg Dez 15, 2014 11:57 am

» Novo filtro externo para aquário 360Litros
por PAPAI Sex Dez 12, 2014 9:58 pm

» Criação de Peixes- Sem filtros??!!
por Wladimyr Sex Dez 12, 2014 1:03 pm

» [Apresentação] Pablo Duarte
por Thiago Marques Sex Dez 12, 2014 11:16 am

» TetraColor Cichlid Pelletz 2 em 1
por Thiago Marques Sex Dez 12, 2014 11:05 am

Top dos mais postadores
Mauricio Molina (7810)
 
Adilson (6735)
 
Wladimyr (5651)
 
Beto Lemos (4836)
 
Lucas Duarte (2438)
 
Thiago Marques (2206)
 
juniorfn (2149)
 
david rafael dieter (1976)
 
Edu Ucceli (1914)
 
Thiago Arai (1898)
 

Quem está conectado
9 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 8 Visitantes :: 1 Motor de busca

ANDERSON JORGE

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 109 em Sex Jun 13, 2014 10:45 pm

Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Artigo Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por Batata em Ter Jun 28, 2011 11:14 am

I - Lerneose (Verme Âncora) e Argulose (Piolho de Peixe) - por Dr. Rodrigo Mabilia

O Que é a Lerneose ?

A lernea, ou “verme âncora”, como é conhecida no aquarismo, é uma doença muito comum na piscicultura de corte, mas que tem alta ocorrência também em peixes ornamentais. A Lernea é um importante ectoparasita que acomete a maioria das espécies de peixes, ou seja não tem especificidade pelo seu hospedeiro. É verdade que peixes de couro como os catfishes e ciprinídeos como as carpas koi e os kinguios são mais susceptíveis.

Atualmente a Lernea encontra-se disseminada por todo o país, sendo responsável por sérios prejuízos econômicos, tanto para piscicultura de corte como de ornamento. Acredita-se inclusive que este parasita foi introduzido no Brasil através da importação de carpas da Hungria. Encontrando as condições favoráveis para o seu ciclo de vida disseminou-se rapidamente pelos rios, açudes e pisciculturas do Brasil.

Em lagos ornamentais são inúmeros os casos relatados de carpas coloridas e kinguios infestados por este parasita. As infestações ocorrem, na maioria das vezes, em épocas mais quentes do ano entre a primavera e o verão. Os aquaristas, ou proprietários de lagos ornamentais costumam relatar A Lernea como pequenos filamentos, ou fios aderidos na superfície do corpo dos peixes. Quando isto ocorrer fiquem espertos ! Pode ser lerneose!

Considerações gerais sobre a doença e o parasita.

•Phylum Arthropoda
•Subphylum Crustacea
•Class Maxillopoda
•Subclass Copepoda
•Order Cyclopoida
•Lernaea sp. ("anchor worms, ou verme âncora")

A Lernea, ao contrário do que algumas pessoas divulgam inadvertidamente, não é um verme. É um crustáceo. No Brasil muitos aquaristas acreditam que seja um verme, porque vem da tradução em inglês para: “Anchor Worm”, verme âncora. Existem mais de 3000 espécies de crustáceos parasitas de peixes dos mais diferentes tamanhos e formas. O gênero Lernaea tem entre os parasitas mais populares a Lernaea cyprinacea.


Fêmea Adulta de Lernaea cyprinacea removida de um goldfish (Carassius auratus) proveniente de um lago ornamental


Este crustáceo é classificado comum copepoda. Existem ainda crustáceos parasitas branquiúros e isopodas, como o caso do Argulus “Piolho de Peixe” e Ergasilideos, respectivamente. Facilmente visível a olho nu, tem o seu corpo alongado. Na porção anterior uma âncora fixadora e na extremidade oposta dupla bolsa ovígera. A porção fixadora penetra na pele e musculatura do peixe causando lesões ulcerosas com pontos hemorrágicos e necrose da pele. Esta lesão predispõe o peixe a infecções bacterianas secundarias. Os peixes acometidos sofrem perda de peso e redução da taxa de crescimento. O quadro clínico é de maior gravidade em espécies de peixes pequenas e alevinos. Os prejuízos a saúde dos peixes são proporcionais a quantidade de parasitas fixados ao corpo. Condições especiais causam um aumento na taxa de mortalidade.

Ciclo de vida:


Apenas a fêmea adulta de lernea é parasita, sendo nesta fase hematófaga e por esta razão causa a já citada anemia no peixe hospedeiro. A grande maioria dos peixes infestados por estágios adultos de lernea (visível macroscopicamente) apresentaram também as formas infectantes (copepoditos) na pele e, principalmente nas brânquias. Estes resultados alertam para cuidados na aquisição de peixes ornamentais sem controle sanitário para lerneose. O ciclo de vida da Lernaea sp. é complexo, pois envolve uma série de formas intermediárias que antecedem o estágio de adulto. A cópula e fecundação ocorrem na água durante a fase de vida livre do ciclo. Esta fecundação culmina com a morte do macho. A fêmea fecundada remanescente passa por um processo de metamorfose dando inicio a fase de vida parasitária.


Visualização dos ovos de Lernaea sp. em bolsa ovígera.


A temperatura da água é um fator importante para a reprodução do parasita e início do parasitismo. Temperaturas na faixa entre 18 a 25°C são ótimas para a perpetuação do ciclo de vida. Desde da ovopostura da fêmea até o surgimento da forma infectante do ciclo de vida pode transcorrer algo próximo de 7 dias. As fases de vida passam dos estágios de náuplios e metanáuplios até copepoditos primário, secundário e copepodito infectante. A visualização das primeiras vesículas na superfície do corpo do peixe logo após a fixação da fêmea podem surgir a partir de 10 dias. A fêmea adulta fixada ao corpo pode levar entre 14 a 18 dias de acordo com a temperatura da água.

Náuplio



Visualização das fases de vida livre da Lernaea sp.
Copepodito primário




Visualização das fases de vida livre da Lernaea sp.

Sinais clínicos:


Clinicamente visualize o parasita invadindo a pele com sua porção anterior fixadora. Os locais mais propensos são as bases das nadadeiras e locais desprovidos de escamas. Os peixes parasitados pela lernea apresentam grande desconforto e irritação. Nas regiões de fixação do parasita há avermelhamento devido a hemorragias. Somente a fêmea adulta é parasita. Por ser hematófaga quando ocorre infestações intensas, ou acomete peixes de pequeno tamanho corporal causam um quadro de letargia. Os peixes ficam enfraquecidos devido a anemia. Formas intermediárias do cilco de vida (copepoditos infectantes) também são parasitas. Estes também causam ligeira irritação na pele e nas brânquias. O surgimento de infecções bacterianas decorrente das lesões causadas pelo parasita e o quadro de anemia agravam o quadro clínico e aumentam as taxas de mortalidade.

Resumo dos sinais clínicos da lerneose:


  1. Presença de lesões avermelhadas e ulcerosas;
  2. Pontos hemorrágicos e necrose de pele com áreas de difícil cicatrização (porta de entrada para bactérias oportunistas);
  3. Perda de peso;
  4. Redução da taxa de crescimento;
  5. Alta taxa de mortalidade quando ocorre em alevinos;
  6. Anemia;
  7. Aspecto repugnante em infestações intensas

Diagnóstico:

O diagnóstico de lerneose é muito fácil, podendo ser realizado macroscopicamente através da visualização da fêmea adulta fixada no corpo do peixe.


Visualização de Lernaea sp. em um jundiá (Rhamdia quelen)

Um dos grandes problemas relacionados ao diagnóstico da lerneose é a não visualização de sua forma infectante imediatamente anterior ao estágio adulto. Os copepoditos infectantes, como são denominados, só podem ser detectados através de exame parasitológico laboratorial executado por um profissional.

Assim, peixes são comercializados com grande risco de serem portadores deste parasita em suas formas intermediárias. Sem este controle, muitos kinguios e carpas kois são comercializadas e disseminam a lerneose para aquários, lagos ornamentais e tanques de criação. Lojistas e aquaristas precisam estar conscientes sobre este problema. Quantos aquaristas já não compraram kinguios e carpinhas coloridas e passado algum tempo percebem a projeção de inúmeros filamentos no corpo de seus peixes?

É lernea !
E tarde demais !
Já está disseminada em seu lago, ou aquário.

Fonte:

Aquablog
http://lescanjr.blogspot.com/2008/08/i-lerneose-verme-ncora-e-argulose.html
Rodrigo G. Mabilia - Médico Veterinário, Msc. pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).


Sugestão do Aquablog : Já existe no Mercado um produto extremamente eficaz, de origem alemã (encontrado em lojas de aquarismo) para o tratamento de Lernia e Argulus . Trata-se do Argulol - um produto da linha Sera Med Professional . Com duas únicas aplicações ele extermina qualquer sinal de lernia/argulus do seu lago, sendo que na primeira aplicação ele mata todos os parasitas que por ventura existam e na segunda ele destrói os parasitas novos, tendo em vista que existe um prazo para que os ovos alí existentes ecludam, gerando outros parasitas.

Postado por Lescanjr

Olá,

Como sendo um lago, fica difícil as retirada dos peixes para identificar o parasita. Mas pelo que observei e pesquisei provavelmente trata-se do crustáceo (verme ancora) como mostra a imagem a baixo.



Este era um dos peixes infectados, ficou difícil ampliar a imagem sem prejudica-la, mas da para ver um parasita de cada lado da nadadeira dorsal. Junto as escamas havia um avermelhado intenso, feio, depois saindo do corpo em uma forma de minhoca branca com cerca de 1cm e meio. Ja estavam 4 peixes com o parasita.

Este foi o tratamento que tentei fazer:

1 semana - usei um frasco inteiro de Ictio da Labcon e 5 ampolas da Bacter Labcon.

2 semana - novamente outro frasco de Ictio.

3 semana
- mais um frasco de ictio e meio frasco de mol-rem da atlantys, 2 kinguios não tinham mais os parasitas.

4 semana - os kinguios que estavam com o parasita, principalmente o menor que tinha um de cada lado da nadadeira dorsal, estava curado, inclusive nem dava pra ver ferimentos, apenas no kinguio maior ainda apresenta o sintoma, mas esta melhorando.





Os peixes estão se alimentando bem e com boas aparências e movimentação.

Ainda continuo com o tratamento.

Obs: Sempre antes de introduzir os medicamentos, eu faço TPA de aproximadamente 1000litros, limpeza e sifonagem. Lago tem aproximadamente 4.500L p/ 5.000L.

Continuarei a postar os resultados mediante ao tratamento e algum tipo de alteração em relação aos peixes.

Ainda não sei se esta sendo mesmo eficaz tanto em relação ao parasita e tambem em sua forma livre na água.


30.06.2011
Hoje parei o tratamento,
usei 7ml de de mon-rem, e 7ml de Ictio da Labcon

Agora esperar e observar se o tratamento eliminou tanto os parasitas como sua forma livre no lago.

Segui um video feito hoje de como estão os peixes.


Desses que estão no video;
O kinguio pequeno conforme as imagens acima,
O Kinguio grande vermelho,
A carpa laranja,
O Kinguio cometa grande vermelho e um pequeno vermelho,
estavam com parasita, agora não a mais sinais deles.

Espero que tenha dado certo mesmo.

Abçrs...


Última edição por Batata em Qui Jun 30, 2011 9:13 pm, editado 2 vez(es)

Batata
Moderador Geral
Moderador Geral

Muito bastante ativo + Ganhador do Concurso de Fotografia
Brasil
Mensagens: 1761
Pontos: 1958
Reputação: 96
Data de inscrição: 12/03/2011
Idade: 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por joão victor em Ter Jun 28, 2011 1:07 pm

Batata blza, deve ter cuidado no tratamento para que todo o ciclo de vida deste parasita esteja destruido...

>>>>>>> Fórum AquaPeixes <<<<<<<

João Victor Rocha Batista
Sta Barbara d´Oeste S/P affraid

joão victor
Iniciante Jr
Iniciante Jr


Brasil
Mensagens: 448
Pontos: 538
Reputação: 15
Data de inscrição: 04/06/2011
Idade: 40

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por Beto Lemos em Ter Jun 28, 2011 1:29 pm

Muito bom Batata,voce nao tem um filtro uv,pois ajudaria a matar os que estao na água.

Beto Lemos
Destaque AQP
Destaque AQP

Pontuação Elevada + Ganhador do Concurso de Fotografia
Brasil
Mensagens: 4836
Pontos: 5007
Reputação: 190
Data de inscrição: 17/10/2010
Idade: 39

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por joão victor em Ter Jun 28, 2011 1:33 pm

Eles estão em um platy ou espada? Atacam peixes de pequeno porte?

>>>>>>> Fórum AquaPeixes <<<<<<<

João Victor Rocha Batista
Sta Barbara d´Oeste S/P affraid

joão victor
Iniciante Jr
Iniciante Jr


Brasil
Mensagens: 448
Pontos: 538
Reputação: 15
Data de inscrição: 04/06/2011
Idade: 40

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por Adilson em Ter Jun 28, 2011 4:15 pm

Batata se você não tiver peixe de couro, como o cascudo e corydora, seria muito interessante adicionar sal no lago, pois isso ajuda e muito a prevenir infecções nos Kinguios e Carpas.
Abrçs!

Adilson
Moderador Geral
Moderador Geral

Pontuaçao elevada
1º Colocado
Brasil
Mensagens: 6735
Pontos: 7508
Reputação: 313
Data de inscrição: 07/03/2010
Idade: 39

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por gustavo marinho em Ter Jun 28, 2011 5:42 pm

muito bom batata

mas se eu fosse vc continuaria com a medicaçao por mais um tempo so pra garantir

ate porque mesmo estando aparentimente curados podem haver vestigios (aqueles q nao conseguimos ver) e criarem resistencia a medicaçao ficando mais dificil tratalos numa proxima vez

mas vc esta de parabens tanto pelos kinquios quanto pelo tratamento que com certeza ira ser util para um outro criador

>>>>>>> Fórum AquaPeixes <<<<<<<

Os Administradores e Moderadores aconselham que;

Seja sempre ativo no fórum e aprenda mais;
Respeite as regras do fórum;
Apresente-se Aqui ;
Como postar Fotos ;
Visitem nosso site AquaPeixes;
                                                                   

gustavo marinho
Avançado
Avançado

Membro bastante Participativo
Brasil
Mensagens: 1776
Pontos: 1947
Reputação: 84
Data de inscrição: 16/01/2011
Idade: 37

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por Thiago Arai em Ter Jun 28, 2011 5:52 pm

Boa sorte no tratamento Batata
e parabéns pelo mesmo

>>>>>>> Fórum AquaPeixes <<<<<<<

Os Administradores e Moderadores aconselham que;

Seja sempre ativo no fórum e aprenda mais;
Respeite as regras do fórum;
Apresente-se Aqui ;
Como postar Fotos ;
Visitem nosso site AquaPeixes;
                                                                   

Thiago Arai
Avançado
Avançado

Membro bastante Participativo
Brasil
Mensagens: 1898
Pontos: 2048
Reputação: 48
Data de inscrição: 30/04/2011
Idade: 25

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por Batata em Ter Jun 28, 2011 6:02 pm

Oi Beto, não uso UV.

Oi Adilson, não posso usar sal, tenho 3 cascudos grandes e 4 pequeninos e 6 corydora.

Oi João, tenho plays e espadas tambem, mas não estão infectados, normalmente as incidencias desses vermes são mais em carpas e kinguios.

Valeu pessoal...

Abçrs...

>>>>>>> Fórum AquaPeixes <<<<<<<

Os Administradores e Moderadores aconselham que;

Seja sempre ativo no fórum e aprenda mais;
Respeite as regras do fórum;
Apresente-se Aqui ;
Como postar Fotos ;
Visitem nosso site AquaPeixes;
Ficha para Doenças e Tratamentos;

Batata
Moderador Geral
Moderador Geral

Muito bastante ativo + Ganhador do Concurso de Fotografia
Brasil
Mensagens: 1761
Pontos: 1958
Reputação: 96
Data de inscrição: 12/03/2011
Idade: 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por Adilson em Ter Jun 28, 2011 6:06 pm

É verdade Batata, neste caso sal é fora de questão, mas como o Gustavo citou o tratamento pode ser útil para outro criador.
Parabéns pelo resultado!

Adilson
Moderador Geral
Moderador Geral

Pontuaçao elevada
1º Colocado
Brasil
Mensagens: 6735
Pontos: 7508
Reputação: 313
Data de inscrição: 07/03/2010
Idade: 39

Voltar ao Topo Ir em baixo

Artigo Re: Parasita Lerneose -Verme Ancora-

Mensagem por Batata em Ter Jun 28, 2011 6:16 pm

Valeu Gustavo. Thiago e Adilson

Vou continuar o tratamento sim...
Esperamos que de certo...

Abrçs...

Batata
Moderador Geral
Moderador Geral

Muito bastante ativo + Ganhador do Concurso de Fotografia
Brasil
Mensagens: 1761
Pontos: 1958
Reputação: 96
Data de inscrição: 12/03/2011
Idade: 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum